09 Nov
09Nov

A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) das Invasões aprovou nesta quinta-feira (9) o plano de trabalho apresentado pelo deputado estadual Gilberto Cattani (PL). O colegiado foi instalado para investigar as invasões de propriedades urbanas e rurais ocorridas em Mato Grosso desde o início deste ano.
O documento que reúne as orientações do plano de trabalho para os próximos 180 dias previstos para a atuação do colegiado, que podem ser estendidos, prevê oitivas, diligências, convocações e audiências públicas em todas as regiões do Estado. O plano de trabalho foi aprovado por unanimidade
O pedido de investigação requerido por Cattani tem como base diversas invasões de propriedades ocorridas no Estado este ano, noticiadas em vários veículos de comunicação, além de uma declaração dada pelo governador Mauro Mendes (União) no mês de julho sobre a existência de uma organização criminosa que financia invasões, atuando no Estado com uma megaestrutura com carreta, contêiner e carro de luxo.
Além de Cattani, que preside a CPI, também integram o grupo o relator Carlos Avallone (PSDB), a vice-presidente Janaina Riva (MDB), além dos membros Fábio Tardin (PSD) e Wilson Santos (PSD).

Comentários
* O e-mail não será publicado no site.